Feedback precisa-se…

Este blog anda muito calminho no que a comentários diz respeito. A minha questão é: alguma dificuldade na caixa de comentários? Acham complicado ou trabalhoso o processo de comentar no WordPress?

Este não é definitivamente um baby blog. Daqueles tão em voga hoje em dia que se têm espalhado por toda a blogosfera.

Não tenho patrocinadores porque não faço menções a marcas, não é esse o o meu objectivo… Não relato o meu dia-a-dia com pormenores, nem penso um dia colocar fotos íntimas da minha família (e isto não são críticas a quem o faz, acreditem, porque entendo que a liberdade de cada um pertence a si mesmo e eu respeito o que cada um opta por partilhar neste espaço global) – esta simplesmente é a minha maneira de estar.

Mas tenho pensado na funcionalidade que este meu canto possa ter. Interessa-vos conhecer este lado mais alternativo da maternidade que tenho mostrado? Faz sentido? Tantas mulheres falam destas mesmas coisas e, por isso, não entendem o que vou partilhando como algo inspirador ou que vos faça pensar sobre estes temas? Será este blog igual a tantos outros?

A escrita para mim é, sempre foi, importante. Desde que sei escrever que partilho com os cadernos, e apenas eles, o que de mais profundo me povoa a mente e os sentimentos. Escrever para outras pessoas lerem, qualquer pessoa, sem conhecer quem “cusca” aqui o meu cantinho, é um acto de partilha que muito prezo. É verdade que não falo muito de muita coisa que faz parte de mim e dos meus dias, da minha vida, das cores de que sou feita porque, lá está, é demasiado íntimo para eu conseguir romper barreiras… nem quero! Mas a falta de feedback não deixa de ser desmoralizadora…E, como qualquer artista, uma pessoa que escreve (não me atrevo a chamar-me escritora) gosta de receber retorno do seu leitor.

Porque estou a passar por uma fase intensa e deveras transformadora, quero canalizar as minhas energias para o sítio certo.

Ajudam-me a perceber o que está a faltar aqui?

Anúncios

5 thoughts on “Feedback precisa-se…

  1. Olá Violeta, acho que a falta de comentários se deve por vezes a um decréscimo de tráfego que os blogues têm actualmente a favor de outras plataformas com uma interacção mais rápida. Escrever comentários dá sempre mais trabalho que “gostar” ou “repinar”. Falo por mim acompanho e leio alguns blogues que gosto mas comento pouco, embora concorde contigo é bastante desmotivador escrever sem ter feedback. Também me acontece o mesmo :)*

  2. Querida Alexa, não podia deixar de dar o meu feedback, porque na verdade tenho dado tão pouco. Não só ao teu blog mas no geral.
    Nesta fase de “recém-mamã” em que o tempo de um dia que sendo tão cheio, também se esgota tão rapidamente, deixei de passar tanto tempo no blogoesfera, o meu blog está desactualizado há meses… (!) e na verdade o teu blog é até dos únicos que ainda vou espreitando ultimamente. Nem sempre comento é verdade, mas lei-o com carinho e alegria. Sinto a ternura que passas através das tuas palavras, e o amor que tens pelo ser mágico que tens a crescer dentro de ti.
    Este meu comentário é de apoio. Continua. Escreve o que sentes se gostas de o fazer para quem gosta de “te” ler.
    Abraço e até sempre (mesmo que às vezes eu passe por aqui de forma silenciosa! 😉

    P.S:… bem outra coisa… realmente isto do wordpress que só nos deixa comentar depois de iniciar sessão… bolas, é que nunca sei a minha password…lá vou eu fazer tantativas! 😀
    Joana

  3. Querida Alexa,eu acho sempre muito interessante os temas e pontos de vista que expões aqui,neste teu cantinho.És uma pessoa,a meu ver e segundo aquilo que transparece,muito serena,que busca o seu ponto de equilibrio nas coisas mais simples e bonitas da vida. Não é assim? ;)* por isso e porque acima de tudo,escrever para ti é um óptimo refúgio,nunca o deixes de fazer. O facto de não haver um nº de comentários grande,não quer dizer que não hajam muitas pessoas que gostam de te ler (e qualquer blogger tem acesso ao seu nº de visitas). Mas antes de qualquer coisa,escreve sempre…porque gostas muito de o fazer :)* uma grande beijoca,minha linda*

  4. Como já sabes, adoro ler-te! 🙂
    Acho que me vou repetir, mas para mim este blog faz todo o sentido, uma vez que partilhamos gostos comuns e um interesse pelos lados mais “naturais” e “integrais” (e até bucólicos) da vida. E sabe sempre muito bem quando encontramos espaços (ainda que virtuais) com os quais nos identificamos, permitindo ao mesmo tempo explorar e descobrir temáticas que nos interessam. Não existe muita informação sobre este tipo de “maternidade” (está entre “” pois pode ser também educação ou estilo de vida) que, por ser tão instintiva, acaba por não ter muita matéria escrita por essa internet fora. Isto tudo para dizer que SIM! fazes muita falta! 🙂
    Sinto-me muito sortuda por estarmos a viver esta fase tão importante na mesma altura! 🙂
    Abraço! **rita

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s